Minecraft na educação

Minecraft na educação

Não é de hoje que os games são utilizados como instrumento de aprendizagem. Eles estão presentes nos cursos de Graduação ou Pós-Graduação de várias universidades, nas Universidades Coorporativas que as empresas implantam em suas estruturas e até mesmo na sala de aula com a criançada. Os jogos de videogame focados em disciplinas específicas e as técnicas de gamificação também são particularmente eficazes como materiais pedagógicos em ambientes de ensino à distância. Eles promovem engajamento e auxiliam os jogadores na assimilação do conteúdo.

De um modo geral, esses jogos são criados especificamente para transmitir o conteúdo que foi organizado pelos professores para determinada disciplina. Dentro do planejamento pedagógico, os jogos figuram como mais uma ferramenta dentre os diversos tipos de materiais interativos usados para transmitir conhecimento em plataformas de EaD (Ensino a Distância).

Minecraft entra na área de educação.

Minecraft Education Edition

Agora imagine você numa sala de aula com 30 crianças. Todas repletas de energia e vontade de brincar. Como professor, você precisa fazer com que essa turminha preste atenção na matéria e acompanhe os exercícios. Se na minha época de colégio (lá no início dos anos 90) isso já era difícil, fico imaginando como deve ser atualmente para os professores lidarem com crianças hiper-conectadas, com seus tablets e smartphones a tiracolo.

Nesse cenário, um jogo de videogame que elas já conhecem, e amam, pode ser o que faltava pra prender a atenção dos estudantes. Especialmente em matérias como física e química, por exemplo. Pensando nisso, a Mojang, produtora do jogo Minecraft e que pertence à Microsoft, está adaptando seu produto para ser utilizado em sala de aula.

Minecraft Education Edition in Classroom

Como falei em outro post aqui do blog, Minecraft é um sucesso absurdo entre as crianças. Trata-se de um lego virtual mais evoluído, que oferece uma infinidade de possibilidades de interação num universo formado por bloquinhos. É um ambiente onde as pessoas podem soltar a imaginação e criar o que quiserem, por meio da mineração desses bloquinhos. Cada um deles lhe dá um tipo de material diferente. Você pode misturar os materiais para criar materiais novos.

Segundo os desenvolvedores, Minecraft está sendo adaptado para diversas disciplinas e terá opções para os professores personalizarem a experiência de acordo com o conteúdo que pretendem transmitir. A primeira versão dessa ferramenta está para ser lançada e a Mojang criou um site específico para trabalhar nessa área. Na foto abaixo, vemos diversos professores sendo treinados na ferramenta durante uma conferência.

Aprendendo lógica de programação com Minecraft – Hour of Code.

No vídeo abaixo, podemos ver como o jogo foi adaptado e utilizado em sala de aula para ensinar programação para as crianças. Se você tem filhos pequenos, veja o vídeo e deixe sua opinião nos comentários abaixo. Você acha que videogame pode ser uma boa ferramenta de ensino na sala de aula? Você deixaria seu filho jogar na escola?

Atuo como roteirista e produtor executivo de TV há 12 anos. Passagens por BAND, SBT e produtoras independentes no departamento de roteiro e desenvolvimento de projetos com trabalhos exibidos no Multishow, Canal Sony, SBT e Disney Channel. Diretor de Comunicação da ABRA entre 2014 e 2017. Integrei a Diretoria Executiva do CNU nos anos de 2014 e 2015. Nessa mesma época, fui gestor da TV Unisa liderando uma equipe de 32 pessoas. Atualmente, lidero a Origina Conteúdo. 

2 Comentários

  1. Maristela 4 semanas atrás

    Obrigada por aprofundar nesse tema do Minecraft. Tenho uma criança e desconhecia esse mundo. Agora já sei como dar os primeiros passos. Valeuuu

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

15 − 11 =