Resumo do Regulamento de Notas do Edital do FSA – Fluxo Contínuo para Cinema

Resumo do Regulamento de Notas do Edital do FSA – Fluxo Contínuo para Cinema

Há alguns meses, a ANCINE divulgou o novo edital do FSA – fluxo contínuo para cinema. Esse edital é parte das mudanças que a nova gestão da ANCINE promove para diminuir a burocracia e agilizar os processos de fomento.

O edital usa um sistema de pontuação, para avaliar produtores e diretores. Esse sistema vai ranquear os projetos, definindo quanto cada tipo de projeto pode pedir de investimento ao FSA e pode definir até mesmo a ordem de liberação dos recursos financeiros. Na tentativa de conferir mais transparência ao processo, a ANCINE tornou pública a relação de notas dos produtores, diretores e distribuidoras.

Polêmicas

Apesar do desconforto que isso causou em alguns setores do mercado, segundo a ANCINE essa metodologia aberta vai conferir mais previsibilidade tanto para os produtores, que irão organizar melhor seus projetos visando a pontuação adequada para o tamanho do orçamento da obra, quanto para os diretores, que terão uma ótima ferramenta nas mãos para negociar os valores de seus cachês e participação nessas obras.

A notícia triste é que a ANCINE não leva em conta a nota dos roteiristas, pois eles não constam no sistema automático que foi elaborado. Um equívoco “técnico” que precisa ser sanado em breve.

Este artigo é um resumo do Regulamento de Notas. Para facilitar o cálculo, a ANCINE criou também uma planilha para calcular as notas.

Resumo – Edital do FSA – Fluxo Contínuo para Cinema (Regulamento de Notas)

As notas são calculadas com os dados registrados nos seguintes banco de dados da ANCINE:

  • Registro de Empresas;
  • CPBs;
  • Dados da OCA (Observatório do Cinema Nacional);
  • Sistemas auxiliares da ANCINE e do FSA;

As notas vão de 1 a 10. A data de extração de dados é o dia 1º de Janeiro de cada ano. Excepcionalmente em 2018 foi considerada a data de 15 de Maio. Alteração de dados pelo proponente só vale para o próximo período de apuração das notas, mas se forem erros materiais na apuração das notas será possível pedir recálculo na fase de recursos do edital.

Todas as notas são publicadas na página da chamada pública.

Itens avaliados

Projeto: parte artística levará notas de 1 a 5, dadas por pareceristas externos.  A nota final é a soma das notas dos dois pareceristas. Eles irão avaliar os projetos de acordo com o Manual de Pareceristas.

Diretor: Avaliação é feita com base nos CPBs. Se houver mais de um diretor no CPB, todos serão pontuados. Se no projeto apresentado houver mais de um diretor, apenas o diretor principal será avaliado.

Quantidade de obras dirigidas: contam somente as obras com destinação inicial ao mercado de salas de exibição.  Tabela de notas abaixo:

Qtd Obras

Nota

0

1

1

2

2

3

3

4

4

5

5

6

6

7

7

8

8

9

9 ou mais

10

Desempenho comercial: será auferido de acordo com os dados registrados no OCA. As notas são dadas de acordo com a participação de mercado que as obras conquistaram. A participação de mercado de cada uma das obras do diretor é somada e depois dividida pelo total de anos que compreendem o ano atual e o ano de lançamento da primeira obra do diretor.

Mínimo (Participação de mercado %/ano maior que)

Máximo (Participação de mercado %/ano menor ou igual)

Nota

0

0

1

0

0.00000196%

2

0.00000196%

0.00000445%

3

0.00000445%

0.00000823%

4

0.00000823%

0.0000166%

5

0.0000166%

0.0000368%

6

0.0000368%

0.0000864%

7

0.0000864%

0.000222%

8

0.000222%

0.00115%

9

0.00115%

Não há

10

Desempenho em festivais: Calculada de acordo com preenchimento de formulário específico, informando os festivais em que as obras do diretor participaram. Há um limite de 25 obras, e elas devem possuir CPB. A pontuação do item participação engloba as participações nas mostras competitivas ou não, além de mostras paralelas ao festival. A pontuação do item Outros prêmios  é para obras que ganharam prêmios diversos em festivais ESPECIAIS ou de classe AA. A ANCINE vai verificar todos os dados.

CLASSIFICAÇÃO DO FESTIVAL

Pontuação por PRÊMIO (Melhor Filme e/ou Melhor Direção)

Pontuação por PARTICIPAÇÃO (mostras competitivas, não competitivas ou paralelas)

Pontuação por OUTROS PRÊMIOS

ESPECIAL

24

8

4

AA

16

5,5

2

A

8

3

0

B

4

1,5

0

C

3

1

0

Com base nessa somatória de pontos, a nota final do diretor obedecerá a classificação da tabela abaixo. Diretores que ganharam prêmio de Melhor Filme ou Melhor Direção passam a ter nota mínima de 9 pontos, independente da classificação.

Produtora

Capacidade Gerencial: obedece a classificação de nível da ANCINE (escala de 1 a 5), multiplicando-se a nota por dois. Isso resultará numa nota final igual a 2, 4, 6, 8 e 10.

Desempenho comercial: A nota deste item será auferida com base nos dados registrados no sistema do OCA. Só contam obras que possuem CPB. Todos os coprodutores de uma obra registrados no CPB são avaliados. O método de avaliação é o mesmo usado para os diretores, baseado em participação de mercado. Soma-se todas as participações de mercado individuais de cada obra e divide-se pelo número de anos entre o primeiro CPB emitido em que consta a produtora e o ano atual.

Mínimo (Participação de mercado %/ano maior que)

Máximo (Participação de mercado %/ano menor ou igual)

Nota

0,000000%

0,000000%

1

0,000000%

0,00000131%

2

0,00000131%

0,00000344%

3

0,00000344%

0,00000681%

4

0,00000681%

0,000012%

5

0,000012%

0,0000235%

6

0,0000235%

0,0000619%

7

0,0000619%

0,000193%

8

0,000193%

0,000651%

9

0,000651%

Não há

10

Desempenho em festivais: Mesma lógica aplicada aos diretores. É calculada a partir do preenchimento de planilha específica, indicando os festivais que as obras da produtora participaram, e os prêmios conquistados. Há um limite de 25 obras e só serão computados os dados de obras que possuem CPB. Os pontos de participação valem para as mostras competitivas ou não e mostras paralelas.

CLASSIFICAÇÃO DO FESTIVAL

Pontuação por PRÊMIO (Melhor Filme e/ou Melhor Direção)

Pontuação por

Pontuação por OUTROS PRÊMIOS

PARTICIPAÇÃO (mostras competitivas, não competitivas ou paralelas)

ESPECIAL

24

8

4

AA

16

5,5

2

A

8

3

0

B

4

1,5

0

C

3

1

0

A nota final de desempenho em festivais é dada de acordo com a somatória dos pontos dos quesitos apresentados, levando em conta a classificação da tabela abaixo:

Nota

Pontuação

Requisitos

10

a partir de 120,5

Pelo menos 1 premiação em festival ESPECIAL

9

a partir de 100,5

Pelo menos 1 premiação em festival AA (ou superior)

8

80,5 a 100

Pelo menos 1 premiação em festival A (ou superior)

7

66,5 a 80

Sem pré-requisito

6

50,5 a 66

Sem pré-requisito

5

34,5 a 50

Sem pré-requisito

4

20,5 a 34

Sem pré-requisito

3

10,5 a 20

Sem pré-requisito

2

3,5 a 10

Sem pré-requisito

1

0a3

Sem pré-requisito

Distribuidoras

Quantidade de obras lançadas: informação verificada pelo banco de dados do OCA. As distribuidoras e codistribuidoras pontuam igualmente.

Mínimo de Obras/Ano maior que

Mínimo de

Obras/Ano

menor ou igual

Nota

0

1

Acima de 0

0,2

2

0,2

0,3

3

0,3

0,5

4

0,5

1

5

1

2

6

2

4

7

4

6

8

6

12

9

12

Sem limite

10

Desempenho de público: também auferido com base nos dados do OCA. A nota é calculada com base no total de público que as obras da distribuidora obtiveram nos últimos três anos.

Atuo como roteirista e produtor executivo de TV há 12 anos. Passagens por BAND, SBT e produtoras independentes no departamento de roteiro e desenvolvimento de projetos com trabalhos exibidos no Multishow, Canal Sony, SBT e Disney Channel. Auxilio produtores a formatarem seus projetos e presto consultorias para inscrição e acompanhamento de projetos em leis de incentivo.

0 Comentários

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

treze − 10 =